Breve história da Fundadora

Me Bernarda

Madre Maria Bernarda nasceu de uma família de agricultores profundamente cristã, a 28 de maio de 1848, em Auw, Cantão de Aargau, na Suíça. Levada à pia batismal no mesmo dia do nascimento, recebeu o nome de Verena. Criança alegre e vivaz,cresceu entre quatro irmãos e três irmãs. Progredia não só em idade, como também em graça e sabedoria de vida diante de Deus e dos seus. Foi, realmente, uma alma privilegiada por Deus desde sua infância. Verena entendeu que a vida é oportunidade única, concedida a cada pessoa para desenvolver o potencial que levava dentro de si. Encaminhou-se para a Vida Religiosa, pois consagrar-se totalmente a Deus, amado sobre todas as coisas, era o que mais queria. Ingressou no Convento das Capuchinhas de Altstätten, chamado Maria Hilf (Maria Auxiliadora). Exerceu os cargos de Mestra de noviças e Superiora, empreendendo um trabalho de renovação espiritual e material, dando nova seiva à árvore centenária de seu Convento. Nele permaneceu de 1867 a 1888, quando então iniciou sua aventura missionária, alcançando realizar seu sonho missionário, no Equador.

Casa Me. Bernarda Cidade Me. Bernarda Mosteiro Me. Bernarda

Madre Bernarda foi:


    um anúncio de paz e misericórdia;

    um convite constante ao amor, à misericórdia;

    uma alegre profecia de esperança e de ternura por um mundo que Cristo renova com a força do seu Evangelho e de sua Ressurreição.