Artigos

20/05/2014 até 20/05/2014

Jogue a favor da vida

A Copa do mundo que se realizará em nosso País logo mais, junto a muita alegria, divertimento, lazer, festas... trará também muitas consequências que podem ser desastrosas... Em vista dela, a Conferência dos Religiosos do Brasil, em âmbito nacional, através da “Rede Um grito pela Vida”, pautada na análise de situações anteriores, tais como a Copa do Mundo na Alemanha (2006 – Com a Campanha: “Tráfico de pessoas: apito final!”) e na África do Sul (2010 – com a Campanha: “Chute o tráfico de pessoas”), observando que as organizações da sociedade civil atestaram o aumento da exploração sexual, e muitos outros problemas sociais no tempo relativo aos ocorridos eventos... decidiu investir forças e energias na realização de uma campanha preventiva para alertar quanto aos riscos antes e durante esta Copa Mundial.

A Rede Nacional “Um grito pela Vida” teve a iniciativa de organizar a Campanha: “Jogue a favor da Vida, Denuncie o Tráfico de Pessoas”. Esta iniciou em 12 de fevereiro de 2014. Foi lançada oficialmente em Brasília pela CRB Nacional dia 14 de maio de 2014 e em Manaus fizemos o lançamento oficial, durante o Seminário realizado no sábado último, dia 17/05.

“A Campanha Jogue a favor da Vida” é uma campanha preventiva de formação e informação. Ela não quer contestar a Copa do mundo mas quer torná-la também espaço de formação de consciência da sociedade em torno da problemática da violação da vida e dos direitos humanos, especialmente o problema do Tráfico de Pessoas.

Quer criar um clima de vigilância e de reação ao Tráfico Humano e à Exploração Sexual que, em tempos de megaeventos, como a Copa, tendem a crescer. Por isso a rede atua contra esse tipo de exploração, abrindo reflexões abrangentes que convidam ao debate e a ações concretas para preveni-los, antes e durante a Copa do Mundo de 2014 no Brasil.

A campanha é realizada pela Rede “Um Grito pela Vida de todo o Brasil e é apoiada por outras redes: A Rede “KAWSAY” – que é dos países da América Central e alguns outros países latino americanos; a rede “RAMÁ” – que é da Alemanha; A rede “RENATE” - que é Europeia. E a Rede Internacional da Vida Consagrada:  "TALITHA KUM", à qual integra as redes acima citadas.

 Objetivos da Campanha:

* Sensibilizar e informar a sociedade civil, sobretudo os grupos mais vulneráveis sobre o tráfico de pessoas e os riscos do seu crescimento durante a Copa do Mundo;
* Favorecer a reflexão sobre o impacto social de grandes eventos, de modo especial a Copa do Mundo de Futebol de 2014, evidenciando e denunciando as violações de direitos dos grupos mais vulneráveis;

* Contribuir para coibir o crescimento do tráfico de pessoas e outras práticas similares de exploração e violação de direitos durante a Copa do Mundo, criando um clima de vigilância;

* Promover uma cultura de respeito e valorização da vida.

O Brasil se prepara a passos largos para receber um contingente considerável de turistas e jogadores... Nós nos preparamos para defender a vida e a liberdade ameaçadas – alertando as famílias, as possíveis vítimas, as autoridades governamentais e não governamentais e a sociedade de modo geral.


A Logomarca:

 

*A BOLA Completa a ação “paixão nacional”... Essa campanha     

                   deve ser a nossa paixão!

*AS MÃOS - união das palmas das mãos - globalizando ações...

 

*JOGUE      Convocação à toda Sociedade, de modo geral... 

                   Imperativo:  Entrar no jogo para ganhar a Vida e a Liberdade!

*DENUNCIE – o Tráfico de Pessoas!

    – Convida-se a um ato de amor, justiça e solidariedade!

*DISQUE 100 ou 180 –a denúncia pode ser anônima. Não de omita!

100 – é dos DH – para todos tipo de violência.

180 – denúncias de violências contra mulheres.

 

JUNTE-SE A NÓS, JOGUE A FAVOR DA VIDA

   

Ações previstas:

Desde fevereiro de 2014 estamos realizando atividades de formação, sensibilização, panfletagem, divulgação na imprensa, debates, seminários, plantão nas rodoviárias, aeroportos, portos, dentre outros locais que contam com a divulgação dos Disque Denúncia e articulação com os conselhos tutelares, órgãos de segurança, núcleos de enfrentamento ao tráfico de pessoas, centros de direitos humanos, pastorais e organismos para garantir os espaços de atendimento, acolhida e encaminhamento das denúncias.

 

Como participar:

* Integre-se aos núcleos e equipes locais para participar do planejamento e realização das atividades da campanha em parceria com a Rede Um Grito pela Vida.
* Colabore, divulgando a campanha por meio das redes sociais, escolas, comunidades, Dioceses... Maiores informações, acesse:

https://www.facebook.com/jogueafavordavida

* Banners estão disponíveis em nosso blog para compartilhamento e inserção em páginas de apoio: http://gritopelavida.blogspot.com.br/

* Você também pode contribuir com a produção e divulgação do material, promovendo debates e reflexões sobre a realidade do tráfico e os riscos de crescimento do tráfico de pessoas neste tempo de megaeventos. Participe desse mutirão de alerta, vigilância e formação!

PARA JOGAR, BASTA DENUNCIAR!

DESPERTAR CURIOSIDADE E FORTALECER A VISIBILIDADE!

OBS.:

- No dia 20 de maio, de 11h30 às 13h30, na sala de imprensa do Vaticano, Talitha Kum apresentará a campanha “Jogue a Favor da Vida”, ao prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica, o cardeal Dom João Bráz de Aviz.